Acadêmicos de Direito da Facimed visitam a aldeia Paiter Surui

Acadêmicos de Direito da Facimed visitam a aldeia Paiter Surui

O objetivo do encontro com os indígenas é inserir os estudantes na construção de uma sociedade mais justa

Os estudantes de Direito da Faculdade de Ciências Biomédicas de Cacoal tiveram a oportunidade de conhecer a cultura do povo Surui. Acompanhados pelos professores do curso eles visitaram o Centro Cultural Indígena Paiter Wagôh Pakob, localizado na linha 9, zona rural de Cacoal.

O objetivo do encontro com os indígenas é inserir os estudantes na construção de uma sociedade mais justa, cujos pressupostos básicos estabelecem um novo e diferente contexto de relações, novas formas de organização, fortalecidas no ser humano, sendo esse o maior compromisso social do Curso de Direito da Facimed. “A visita faz parte do Projeto de Extensão Curricular instituído pelo Ministério da Educação para inclusão em todos os cursos de nível superior, um percentual de 10% da carga horária do curso. Desta forma o Curso de Direito da Facimed se antecipou e fez essa alteração na matriz curricular. Por ser interdisciplinar, cada período do curso terá um projeto elaborado pelos acadêmicos com orientação dos professores, a partir da experiência prática vivenciada”, explicou a professora Melce Miranda Rodrigues.

Durante a conversa com os indígenas os estudantes puderam tirar dúvidas em relação a cultura do povo Surui, conhecer a língua e algumas tradições que ainda permanecem dentro das aldeias. “Percebemos que nas aldeias alguns indígenas estudam e uma pequena parcela possui nível superior, contudo muitos dos mais velhos ainda não falam português, somente a língua original. Apesar de todo esse contexto, os Paiter ainda lutam para manterem vivas suas tradições”, comentou a acadêmica do 2º período de Direito, Jeanne Das Neves Falcão Real.