Pesquisa científica de professora da Facimed é publicada em Revista Internacional

Pesquisa científica de professora da Facimed é publicada em Revista Internacional

A Frontier in Physiology é considerada a 3º revista mais citada do mundo em fisiologia

A Doutora em Educação Física, professora Laize Peron Tófolo, já pode incluir mais um artigo na lista de publicações em revistas científicas, ao todo foram 28 pesquisas, a mais recente na Revista Internacional “Frontier in Physiology”considerada a 3º mais citada do mundo na área.

O tema da pesquisa foi sobre o exercício físico de intensidade moderada e o efeito protetor contra riscos cardiovasculares induzidos por ingestão de dieta rica em gordura em ratos. “Nós avaliamos este efeito do exercício após 30 dias de destreinamento. Ou seja, após 30 dias que o animal já não realizava mais o seu protocolo de treinamento. O exercício aplicado foi a corrida em esteira, realizada 3 vezes na semana e com intensidade moderada. O objetivo foi verificar se o estímulo aplicado (exercício físico) tinha a capacidade de desenvolver mecanismos benéficos mesmo após um período sem o treinamento”, explicou.

A ideia da pesquisa surgiu, quando a professora ainda era estudante do 4º ano do curso de Educação Física da Universidade Estadual de Maringá UEM. O resultado final revelou que mesmo após um período de destreinamento o exercício aplicado desenvolveu efeitos benéficos para a proteção contra a instalação de alguns riscos cardiovasculares.  “Nós avaliamos animais com 120 dias, o que projetando para humanos, seria pessoas com 45 anos mais ou menos. Conseguimos verificar que mesmo após um período de destreinamento, o exercício aplicado desenvolveu efeitos benéficos para a proteção contra a instalação de alguns riscos cardiovasculares. Embora não tenha protegido totalmente o organismo destes animais, observamos que eles  treinados mostraram uma resistência a desenvolver alterações cardiometabólicas, por exemplo, estes animais não tiveram aumento da pressão arterial e nem aumento de tecido adiposo”, destacou.

A publicação de um trabalho em uma revista internacional mostra a relevância e a importância para o meio científico.

O artigo pode ser encontrado aqui